Siga-nos nas redes sociais:

Vocação: chamado, escuta e resposta

Deus nos chama, Ele chama a todos e nos convoca e encoraja para viver uma vida comprometida com a edificação de seu Reino.

Em Ex 3,7-10 podemos contemplar um Deus que se mostra muito perto dos que ele chama. Ele caminha com estes e não parece indiferente aos fatos que envolvem as vidas dos seus. É assim, portanto, que o Senhor encoraja aqueles que ele mesmo escolheu, chamou, e estes, tendo escutado, optam por atender ao divino chamado.

É interessante o observar o modo humano com que o divino age. Assim como nós, ele vê, ouve, se sensibiliza com a dor alheia e, deste modo, toma partido. Como vemos em muitos episódios das Sagradas Escrituras, Ele não se acomoda diante da injustiça e da opressão, e se utiliza de nós homens, limitados, para agir libertando o seu povo a miséria. A redenção se dá, também, por meio daqueles que o Senhor age.

Isto posto, entendamos os “estágios” da vocação: chamado – resposta – envio – missão. Estas são dimensões e premissas fundamentais para uma verdadeira vocação. Se uma delas não acontecer, ou falhar, algo irá fugir do projeto divino. É um belo diálogo entre Deus e seu eleito, a pessoa chamada. Em Gn 12,1-9, contemplamos o chamado que Deus faz a Abraão: “Saia de sua terra, do meio de seus parentes e da casa de seu pai, e vá para a terra que eu lhe mostrarei. Eu farei de você um grande povo, e o abençoarei; tornarei famoso o seu nome, de modo que se torne uma bênção.” Percebemos nesta narrativa a misericórdia e a ternura do Senhor, que chama e quer precisar de homens limitados para cuidar da sua grande messe.

A iniciativa (chamado) sempre tem de partir do coração de Deus. Este é um grande sinal de seu amor e compaixão, afinal, Ele quer precisar daquele que é chamado e cerca este de carinho e proteção, para o bom desempenho da missão que lhe fora confiada.

Foi através do SIM que tantos homens e mulheres como Abraão, Maria e os apóstolos, aderiram ao projeto de edificação do Reino de Deus e propagação da Redenção de Cristo, para libertar os oprimidos da escravidão e da opressão.

Como você tem respondido ao chamado amoroso do Senhor? Acredite no poder salvador do Evangelho de Cristo, tenha coragem. Você pode fazer a diferença neste mundo!

Entre em contato com a Pastoral Vocacional Diocesana.
Fone: (11) 4827-7352
E-mail: pv.sav@diocesesa.org.br

Colaborou com esta edição Lucas Barcello
Seminarista na Diocese de Santo André

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Mais
Posts Relacionados
Direitos das mulheres com câncer de mama

Direitos das mulheres com câncer de mama

Outubro Rosa chegou e nós apoiamos essa ação. Cuidar da saúde é muito importante. O diagnóstico precoce do câncer de mama aumenta as chances de cura e este é o

Pastoral da Pessoa Idosa

Pastoral da Pessoa Idosa

Em 25 de julho deste ano, celebramos o 1º Dia Mundial dos Avós e dos Idosos. Convocado pelo Papa Francisco e com o tema ‘Eu estou contigo todos os dias”

Um pouco da missão do Padre Sidcley

Um pouco da missão do Padre Sidcley

O Padre Sidcley Alves Machado nasceu em 26 de novembro de 1976, em Caruaru, Pernambuco, filho de Manuel Alves Machado e Maria Félix Machado. Tem sete irmãos: Silvaneide, Silvanete, Suely,

Orlando e Vilma, história de cumplicidade

Orlando e Vilma, história de cumplicidade

Hoje estamos aqui para contar um pouco da história deste casal cristão, Orlando e Vilma Maria de Oliveira. Tudo começou na década de 60, quando se conheceram, pois na época

Pobre seminarista…

Pobre seminarista…

Pobre do seminarista que carregou sozinho seu discernimento vocacional antes de entrar no seminário. Pobre do seminarista que não obteve apoio de seu pároco no processo vocacional. Pobre do seminarista

Chamado de Deus e resposta do homem?

Chamado de Deus e resposta do homem?

Estamos celebrando em nossa Igreja Particular de Santo André o Ano Vocacional, e muito se tem falado sobre vocação. E o que seria de fato essa tal de vocação? O